HALEON investe R$ 450 Milhões, inaugura nova fábrica e fortalece as indústrias farmacêuticas brasileiras

HALEON investe R$ 450 Milhões, inaugura nova fábrica e fortalece as indústrias farmacêuticas brasileiras

A equipe InduXdata vem validando para sua base de clientes ativos de forma antecipada, e ainda em fase de estudos de viabilidade, centenas de projetos e investimentos do setor das indústrias farmacêuticas brasileiras. Eles têm participado diretamente desses projetos, acompanhando de perto todas as etapas e fechando contratos milionários em vendas industriais.

O BVMI confirmou que o Brasil possui cerca de R$ 191,8 Bilhões em investimentos industriais apenas no setor da Indústria Farmacêutica. No último trimestre de 2019, clientes InduXdata já tinham todos os detalhes dos planos de investimentos industriais da Haleon no Brasil, além de todos os novos multiprojetos industriais desta companhia em fase de estudos de viabilidade em nosso mercado.

Estes projetos da Haleon no Brasil, começaram a ser validados a partir de 2019, a nova unidade agora se encontra alinhada as diretrizes com seus projetos aprovados pela matriz europeia, e clientes InduXdata participaram e ainda estão participando de forma direta em todas as suas etapas, além de todos os CAPEX e vendor lists da companhia no mercado brasileiro.


A equipe do InduXdata Field confirmou na manhã desta quinta-feira (25/05/23) que o Grupo HALEON inaugurou sua nova planta industrial fabril na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro, instalada em Jacarepaguá.

A nova fábrica está instalada em um terreno de 110 mil m2, com suas linhas fabris para a produção de Impermeabilizantes e 35 mil m2 de área construída.

Este projeto foi validado pela equipe do BVMI no primeiro trimestre 2020, e foi entregue pelo Manager, com o máximo de detalhes para os clientes ativos do InduXdata, que participaram de forma ativa, em mais de 70% deste CAPEX industrial farmacêutico agora em atividade.

Investimento em Nova Fábrica

O BVMI confirmou que o projeto foi finalizado após um investimento direto de R$ 450 milhões, bancados com recursos próprios da companhia, que era operada pela farmacêutica GSK.

A partir de 2020, a fábrica passou para o controle da Haleon, empresa independente criada com a separação da unidade de produtos de consumo antes pertencente à GSK.

A equipe InduXdata Field confirmou que em 2021, a planta fabril começou a receber a implantação de atualizações para a construção da nova fábrica, clientes que participaram de forma direta no projeto, confirmaram que foram aplicados dezenas de ações especiais para a instalação de novos equipamentos com tecnologia da Indústria 4.0.

Este projeto inclui a transferência para o Brasil de novas linhas de produção que eram realizadas em outros países, como uma linha premium de Sensodyne, que foi transferida do Reino Unido, e outra de Centrum, deslocada do Canadá para o Brasil.


Confira investimentos industriais em que clientes InduXdata FECHARAM contratos MILIONÁRIOS:


Aumento de Produção

Nossa equipe confirmou que atualmente, a unidade de Jacarepaguá produz 90% de todos os cremes dentais Sensodyne consumidos no Brasil, e 40% de todas as unidades do multivitamínico Centrum do mercado brasileiro.

De acordo com Yanir Karp, presidente da Haleon para o Brasil:

Saem da nossa fábrica produtos que estão presentes em milhões de lares brasileiros.Temos orgulho de levar ao mercado marcas e produtos em que a população confia e acredita, com alta qualidade, e seguindo todos os padrões internacionais da Haleon”.

A nova fábrica representa um investimento significativo da Haleon no Brasil e no estado do Rio de Janeiro, contribuindo para impulsionar a economia local.

Boa parte dos investimentos diretos realizadas pelo grupo industrial no último ano, foram direcionados para o cumprimento de todas as exigências e licenças de operação.

Mercado das indústrias farmacêuticas brasileiras

A indústria farmacêutica é responsável pela produção de medicamentos e é licenciada para pesquisar, comercializar e distribuir remédios que são voltados ao tratamento ou à cura de doenças.

Formando um mercado altamente lucrativo, sendo o Brasil o maior produtor em toda América Latina.

A demanda crescente por fármacos no país e no resto do mundo foi um dos reflexos da pandemia sobre a expectativa de vida das pessoas.

Oriunda da necessidade da população em melhorar a qualidade de vida e bem-estar, por exemplo.

A tendência, de acordo com os dados da Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa (INTERFARMA), é que os números desse crescimento dobrem nos próximos anos.

Apesar do cenário negativo causada pela pandemia, a Indústria Farmacêutica ultrapassou a marca de R$ 145 bilhões em 2021.

O valor representa um crescimento de 13,6% em comparação ao ano anterior.

Esse setor se caracteriza pela inovação e altos investimentos em pesquisa e desenvolvimento.

Nesse sentido, o mercado brasileiro movimentou R$ 88,28 bilhões em 2021, equivalentes a US$ 14,92 bilhões, segundo os levantamentos da IQVIA.

No mercado institucional, formado por governos, clínicas e hospitais, os dados apontam um aumento significativo de 74,1% desde 2017.

Já no varejo farmacêutico, o aumento foi de 55,1% nos últimos quatros anos.


Confira investimentos industriais em que clientes InduXdata estão neste MOMENTO fechando contratos MILIONÁRIOS:


Mil funcionários na operação

O BVMI confirmou que a Haleon emprega globalmente mais de 22 mil pessoas e comercializa seus produtos em 170 mercados, somando mais de 58 milhões de libras esterlinas em vendas globais.

Com a nova fábrica do Rio de Janeiro em atividade total, a Haleon passou a empregar diretamente cerca de 1.000 funcionários em suas operações.

A maioria dos empregos no Estado do Rio de Janeiro, além de gerar mais de 5.700 empregos indiretos e outros 4.790 empregos induzidos, totalizando mais de 11.000 postos de trabalho em toda a cadeia.

Faturamento de 10 bilhões de libras

Após a conclusão da fusão com os negócios de produtos de consumo com a Pfizer, a GSK (GlaxoSmithKline) está próxima de concluir o spin-off da nova empresa em meados deste ano com abertura de capital.

Em fevereiro do ano passado, a farmacêutica britânica anunciou o nome da nova empresa focada em medicamentos isentos de prescrição (OTC, na sigla em inglês) e em produtos de higiene pessoal, a Haleon.

A Haleon nasce com um faturamento anual de em torno de 10 bilhões de libras, um portfólio com mais de 100 produtos e 23 mil funcionários.

O nome, segundo a GSK, é inspirado na fusão das palavras “Hale”, que é uma antiga palavra inglesa que significa “em boa saúde” e “Leon”, que está associada à palavra ‘força’.

A nova identidade da marca será implantada em mais de 100 mercados em todo o mundo onde a empresa opera.

A nova companhia terá um portfólio de classe mundial de marcas globais líderes de categoria, incluindo Sensodyne, CataflamPro, Advil e Centrum.

A demanda do setor de saúde do consumidor é de 150 bilhões de libras no mundo, de acordo com a Haleon.

Segundo Yanir Karp, o mercado brasileiro tem uma participação relevante e a meta é manter o crescimento de dois dígitos como nos últimos anos.

Como companhia de consumo nosso intuito é crescer acima do mercado, são metas desafiadoras”.

Na época o executivo ressaltou que para isso, a companhia irá manter os investimentos em inovação que nortearam a área na GSK até agora.

Uma das alavancas é a inovação e prova disso é que parte do nosso crescimento de mercado até 2023 virá de produtos inovadores, no ano passado, lançamos novas apresentações de produtos já consagrados no mercado, como o Advil 12 horas, e isso deve se manter.” concluiu Karp.

No Brasil, segundo o executivo, a empresa conta com um portfólio de mais de 100 produtos mas tem como carro chefe o Eno, Sensodyne, CataflamPro, Advil e Centrum. Marcas que vendem mais de R$ 100 Milhões por ano.


Confira investimentos industriais em que clientes InduXdata FECHARAM contratos MILIONÁRIOS:


Programas ambientais

A unidade da Haleon no Brasil conta com diferentes programas ambientais, como um sistema de reuso de água e tratamento de efluentes que permite a reutilização de aproximadamente 22 milhões de litros de água por ano.

Além disso, 100% de sua energia elétrica provém de fontes limpas e certificadas, buscando a redução das emissões de carbono, inclusive com a instalação de painéis solares no telhado da fábrica.

A fábrica de Jacarepaguá ainda se destaca por contar com 40% do seu quadro de funcionários formado por mulheres.

De acordo com Graziela Soares, diretora operacional da planta de Jacarepaguá da Haleon Brasil:

Nossa nova fábrica é pautada pelos mais altos padrões regulatórios. Temos orgulho de apresentar ao mercado uma fábrica ágil, que prima pela qualidade e sustentabilidade. Além disso, dois terços de nossa liderança é formada por mulheres, reforçando o compromisso da Haleon com diversidade e inclusão”.

Os produtos da Haleon estão presentes em grande parte dos lares brasileiros.

A companhia investe aproximadamente R$ 8 Milhões em Pesquisa e Desenvolvimento no país, a fim de trazer inovações e soluções para atender às necessidades de saúde locais.

A planta atual possui capacidade para expandir sua produção, podendo comportar a fabricação de novos itens.

Fonte – Equipe BVMI – InduXdata Field – Fábio Reis (MF)

Dica do BVMI – Trabalhe na Haleon Group, acesse “Careers“, desejamos a todos boa sorte nos negócios e em seu processo de recolocação!

Dica de negócios 

A indústria nacional em 2023 tem investimentos (previstos) de R$ 3,1 TRILHÕES entre Projetos Greenfield, novos complexos industriais, expansão e atualização de suas plantas fabris e outros.

Clientes CityCorp, fecharam mais de R$ 493 MILHÕES em vendas industriais até a primeira quinzena de maio de 2023!

Eles já sabiam destes investimentos com antecedência, tinham em mãos quem eram as pessoas responsáveis pelos projetos, tem a mentoria personalizada de um manager com mais de 35 anos de expertise no mercado industrial, agilizando o contato assertivo (com os decisores).

Eles estão fechando rentáveis negócios na cadeia de fornecedores formada para atender as necessidades de centenas de demandas para a construção deste novo complexo fabril das indústrias farmacêuticas brasileiras no Brasil.

Este e mais de 18 mil investimentos industriais privados estão à disposição de nossos clientes ativos, através de um Big Data único. Conheça o InduXdata e venda com relacionamento, inteligência e rentabilidade no mercado industrial.

Dica de OURO 

O segundo semestre de 2024 começou, prepare sua EQUIPE COMERCIAL. Contrate o In Company: MasterClass Vendas Industriais. Leve para sua empresa no formato In Company Licio Melo, maior especialista em vendas industriais do País. Contrate para sua equipe um presencial exclusivo já aplicado In Company em dezenas de multinacionais na América Latina. Desenvolva seu planejamento comercial estratégico utilizando Inteligência Preditiva Comercial (IPC), acesse mais informações.

Dica de LEITURA

Compre para sua equipe A BÍBLIA DE VENDAS INDUSTRIAIS. Aprenda a vender com quem vende todos os dias no mercado industrial há mais de 35 anos.

Livro obrigatório para quem deseja entender como funciona de verdade o mercado industrial brasileiro, e obter resultados reais com crescimento em qualquer setor industrial. Compre agora seu exemplar, aproveite o FRETE GRÁTIS para todo o País.

Dica de LEITURA

Compre para sua equipe A BÍBLIA DE VENDAS INDUSTRIAIS. Aprenda a vender com quem vende todos os dias no mercado industrial há mais de 35 anos.

Livro obrigatório para quem deseja entender como funciona de verdade o mercado industrial brasileiro, e obter resultados reais com crescimento em qualquer setor industrial. Compre agora seu exemplar, aproveite o FRETE GRÁTIS para todo o País.